Câncer de mama: prevenção envolve vários fatores!

You are currently viewing Câncer de mama: prevenção envolve vários fatores!

Câncer de mama. Apenas ler essas palavras pode deixar muitas mulheres preocupadas. E isso é natural.

Quase todo mundo conhece alguém tocado pela doença. Mas hoje em dia existem muitas boas notícias sobre o câncer de mama. 

Os tratamentos estão cada vez melhores e sabemos mais do que nunca sobre as formas de prevenir a doença. 

Sabemos também que o risco genético é cada vez melhor, em função principalmente dos tratamentos que existem.

E para você que deseja aprofundar mais seu conhecimento sobre esse tema tão importante, que é a prevenção do câncer de mama, preparamos o artigo abaixo!

Mantenha um peso saudável

Uma das coisas mais importantes que uma pessoa pode fazer para ajudar a prevenir o câncer de mama é manter um peso saudável. 

O recomendado é que as mulheres façam exercícios regularmente, pelo menos 20 minutos, 3 vezes por semana, para ajudá-las a manter um peso saudável e ficar em forma.

E ter uma figura magra é crucial, pois a gordura é composta de células que produzem estrogênio. 

Excesso de estrogênio no corpo pode causar o desenvolvimento e crescimento de câncer de mama com receptor hormonal positivo. 

Simplificando, quanto mais células de gordura em seu corpo, mais estrogênio e maior o risco de desenvolver a doença. 

Ao seguir uma dieta equilibrada e nutritiva e praticar exercícios regularmente, você pode ajudar a manter um peso saudável.

Leia também::: Autoexame de mama: o que toda mulher deve saber a respeito

Limite a ingestão de álcool

Não há como negar que o álcool tem muitos efeitos negativos para a saúde associados a ele. 

No entanto, a maioria das pessoas associa a insuficiência hepática e câncer de fígado ao álcool. 

Embora o álcool tenha provado ter alguns dos efeitos mais adversos no fígado, também foi comprovado que aumenta o risco de desenvolver câncer de mama. 

Isso se deve ao fato de que o álcool tem a capacidade de alterar a forma como o corpo funciona para metabolizar o estrogênio. 

Quando o álcool é consumido regularmente, pode resultar em níveis mais elevados de estrogênio no corpo. 

Quando os níveis de estrogênio estão excepcionalmente altos, pode causar câncer de mama.

Não fume

Se você fuma, por favor, pare! Afinal, não há como negar que fumar faz mal à saúde e geralmente está relacionado ao câncer de pulmão, doenças pulmonares e uma série de outros problemas de saúde.

Quando se trata de câncer de mama, fumar pode aumentar o risco de uma mulher. No entanto, fumar é especialmente perigoso para mulheres que continuam com o vício após o diagnóstico de câncer de mama. 

Faça exames periódicos

Não há como negar que as mamografias são importantes para ajudar a detectar o câncer de mama em seus estágios iniciais. 

Mas é também recomendado exames periódicos da mama, como forma de detectar qualquer alteração que possa ocorrer nas mamas. Dessa forma, é possível iniciar o tratamento o mais precocemente possível.

Leia também::: Relação sexual promove benefícios para a saúde?

Cuide de você!

Por isso, em outubro, não use apenas rosa para conscientizar sobre o câncer de mama. Ganhe o controle de sua saúde tomando essas medidas preventivas para garantir que você permaneça saudável e livre dessa doença.

Portanto, esperamos que tenham gostado do artigo sobre  prevenção do câncer de mama e, para saber mais sobre cuidados com a saúde e prevenção, acompanhe também nosso canal no Youtube!

Dra. Erica Mantelli

Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro. Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro. Especialização em sexualidade humana pela Universidade de SÃO Paulo / USP.