Benefícios da meditação na gravidez

You are currently viewing Benefícios da meditação na gravidez

A gestação é marcada por uma série de mudanças e desafios físicos e emocionais e que impactam na saúde gestacional. 

E uma forma de passar por esse momento de forma mais tranquila é adicionando a meditação à sua rotina

Durante a gestação, as alterações hormonais podem levar a alterações de humor, aumento do apetite e náuseas, para citar apenas alguns.

Nesse sentido, a meditação durante na gravidez ajuda as futuras mamães a lidar com essas mudanças, promovendo o relaxamento, aumentando a paz de espírito e permitindo uma maior conexão com o bebê.

Para falar mais sobre esse tema, e como a medicação é importante na gravidez, preparei o artigo abaixo. 

Reduza o estresse e a ansiedade

Estar grávida é tão emocionante. Mas sejamos realistas — isso também pode deixá-la ansiosa e estressada. 

A maioria das mulheres grávidas se preocupa muito com coisas que fogem de seu controle, mesmo aquelas contra as quais elas podem fazer algo. 

Os hormônios da gravidez adicionam sua própria inclinação especial às coisas. Não é incomum que as mulheres se sintam como se estivessem oscilando entre emoções. 

A meditação e a atenção plena criam um espaço diário onde as futuras mamães podem mudar de um estado de luta ou fuga constante para centradas e calmas. 

Pesquisas mostram que a meditação durante a gravidez pode reduzir a resposta do corpo ao estresse, ajudando a diminuir os níveis de cortisol. Isso permite que seu corpo se acomode em um estado de calma e paz. 

Leia também::: Preparo pré-gestacional: como deve ser?

Menor frequência cardíaca e pressão arterial

Muito estresse pode elevar seus níveis de cortisol e pressão arterial. A pressão alta pode ter efeitos muito negativos durante a gravidez, para você e seu bebê. 

Quando a pressão arterial está alta, diminui a quantidade de fluxo sanguíneo para a placenta. 

Por exemplo, isso pode significar que seu bebê não recebe tantos nutrientes e oxigênio, levando a um crescimento lento, parto prematuro ou baixo peso ao nascer. 

Ou seja, a meditação é uma maneira maravilhosa de acessar sua calma interior para manter sua pressão arterial em um nível saudável. 

Aumente a sua resiliência interior

Como disse antes, a gravidez lança muitos desafios em seu caminho. Seja lidando com uma dor diferente a cada dia ou a montanha-russa de humores que é a gravidez proporciona.

E nesse sentido, a meditação ajuda você a construir e manter sua resiliência interior. 

A pesquisa mostra que pessoas que praticam meditação e atenção plena têm níveis mais elevados de resiliência psicológica — em outras palavras, são capazes de se adaptar ao estresse e à adversidade. 

A meditação não fará com que uma pélvis dolorida ou o choro desapareça, mas torna mais fácil para você enfrentar e lidar com esses altos e baixos. 

Conexão profunda com o bebê

Além disso, a meditação consciente permite que você crie o espaço e o tempo para sentar-se quieta e descansadamente — proporcionando a capacidade de mergulhar profundamente na conexão com o seu bebê. 

Você pode visualizar seu bebê, colocar as mãos sobre a barriga ou sussurrar afirmações positivas.

Dessa forma, essa conexão durante a gravidez traz à tona uma ferramenta poderosa que você pode usar no trabalho de parto, quando estiver viajando profundamente dentro de si mesma durante as contrações — trabalhando com seu corpo e com o bebê. 

Consciência corporal

Há tantas coisas acontecendo com seu corpo durante a gravidez que às vezes pode parecer difícil. 

Mas durante o trabalho de parto e o parto, as sensações podem ser tudo o que você conhece e ser capaz de focar nos benefícios positivos da meditação. 

Essa atenção plena no espaço entre as contrações a encoraja e a restaura nos momentos em que se sente desafiada. 

Estar atento ao seu corpo durante a gravidez dá-lhe a consciência de buscar apoio se sentir que algo não está certo. 

Leia também::: Gestante pode fazer jejum intermitente?

Pratique e melhor sua saúde gestacional

Agora que você está ciente de como a meditação é benéfica durante a gravidez, é hora de iniciar a prática.

Nunca é muito cedo ou muito tarde para incorporar a prática meditativa em sua rotina diária de gravidez. Ou seja, os benefícios da meditação podem ser experimentados imediatamente. 

No entanto, quando a meditação se torna uma prática regular, você realmente começa a experimentar os benefícios de transformação da vida e da sua saúde gestacional.  

Espero que tenha gostado dos benefícios da meditação na saúde gestacional. E para se aprofundar ainda mais nesse mágico momento da vida da mulher, conheça nosso curso Bebê Genial. É só clicar no botão abaixo!

Dra. Erica Mantelli

Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro. Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro. Especialização em sexualidade humana pela Universidade de SÃO Paulo / USP.