Cuidados com as mamas durante a amamentação

Toda mulher tem uma preocupação relacionada aos cuidados com as mamas durante a amamentação. Nessa fase, o peito é o alimento do bebê e passa a ser uma das regiões que a mulher mais tem contato.

É muito comum que a mulher se depare com diversos comentários de outras mulheres, até mesmo da família, orientando sobre algumas práticas para cuidar do seio durante o período de amamentação.

No entanto, o melhor a fazer é considerar as informações com respaldo científico na hora de manter os cuidados com as mamas durante a amamentação. Continue até o final do artigo para saber tudo sobre o assunto.

Os cuidados com a região dos mamilos

Algumas recomendações médicas antigas orientavam a mulher a esfoliar seus mamilos com bucha vegetal para deixar essa região mais “calejada”. Hoje, sabemos que essa recomendação deixou de valer e inclusive é contra-indicada.

Ao esfoliar os mamilos, a proteção natural acaba removida e os mamilos ficam mais predispostos a apresentar lesões, o que prejudica o aleitamento materno.

É perfeitamente normal que os mamilos passem por mudanças ao longo da gestação. Pode apresentar alterações de tamanho, cor e textura. Tudo isso é normal e transitório.

Algumas mulheres tem dúvidas sobre a necessidade de usar algo para o seio formar “bico” quando o mamilo é mais plano ou achatado. A verdade é que nada pode mudar a anatomia da mama, o que é fixo. Usar produtos como óleos ou pomadas para este fim mais prejudica do que contribui para a saúde.

O que a gestante pode fazer é hidratar a região das mamas com o cuidado de não usar muito creme na aréola e no bico do seio. Quando essa pele mais fina recebe muita hidratação, a tendência é que o tecido afine mais ainda, prejudicando a pega correta do bebê.

Leia também: Quais os perigos do álcool na gestação?

A importância do preparo emocional

A mamãe precisa entender que o seu seio já está preparado para o momento da amamentação. Afinal, a natureza é perfeita. Ela deve ficar informada em relação aos desafios da amamentação e entender que cada etapa é passageira.

Enquanto o bebê aprende a mamar e o corpo acostuma-se a essa etapa, amamentar pode ser muito desconfortável.

É preciso prestar atenção se o bebê pega a mama da maneira correta, com a sua pequena boca bem aberta para realizar a sucção. Caso seja recorrente o desconforto, uma equipe de fonoaudiologia deve avaliar se o bebê não conta com alguma alteração em sua fisiologia que possa atrapalhar.

Enquanto mãe e filho aprendem a amamentação, a orientação é para que ocorra em ambientes mais íntimos. Assim que a mãe estiver mais descolada, certamente vai conseguir amamentar em qualquer ocasião e local.

O mais importante para a mulher em fase de amamentação é preparar-se emocionalmente para alimentar seu filho. Em relação ao corpo, a própria natureza faz o seu papel. Esse preparo deve começar ainda na gestação, afinal, é um processo.

Eu espero que este artigo ajude você a entender sobre os cuidados com as mamas durante a amamentação.

Até a próxima!

Dra. Erica Mantelli

Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro. Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro.